Iraguassú repercute retaliação do governo a senador que votou contra reforma trabalhista

Vereador é líder do PDT na Câmara Municipal. Foto: Genilson de Lima.

Ao fazer uso da Tribuna da Câmara Municipal, pelo tempo do Pequeno Expediente, na sessão ordinária desta quinta-feira, 22, o vereador Iraguassú Filho (PDT) repercutiu a retaliação do governo Temer ao senador peemedebista que votou contra o parecer favorável ao texto do projeto de reforma trabalhista, na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) no Senado.

“Na última terça-feira, a Comissão fez uma apreciação sobre a reforma trabalhista e para a surpresa de muitos, o governo teve a sua primeira derrota mais contundente. Por 10 votos a 9, o relatório da reforma trabalhista foi rejeitado na Comissão e em retaliação o governo que atua na base do toma lá dá cá exonerou alguns cargos do senador da base que votou contra. Na prática, sabemos que a votação contrária não fará diferença na tramitação da matéria pois é só um parecer consultivo, porém o crescimento da Oposição é uma luz contra essa reforma.”, frisou.

Assessoria de Imprensa
Anna Regadas
Fone: +55 85 3444.8304
Instagram: @cmforoficial
Twitter: @camaracmf
Facebook: http://www.facebook.com/cmfor