Cláudia Gomes destaca comemoração do Dia Nacional do Fisioterapeuta e do Terapeuta Ocupacional

Vereadora integra a bancada do PTC na Câmara Municipal – Foto: Genilson de Lima

Vereadora integra a bancada do PTC na Câmara Municipal – Foto: Genilson de Lima

A vereadora Cláudia Gomes (PTC) utilizou seu tempo no Pequeno Expediente desta terça-feira, 18, para destacar a comemoração do Dia Nacional do Fisioterapeuta e do Terapeuta Ocupacional, que é comemorado no dia 13 de outubro. Na tribuna, a parlamentar ressaltou a importância do fisioterapeuta na recuperação e, principalmente, na prevenção de doenças.

Cláudia explicou aos presentes que o fisioterapeuta e o terapeuta ocupacional são dois profissionais da saúde que devem estar mais próximos da população e que precisam ter presença na atenção básica da saúde. A vereadora ressaltou um projeto de sua autoria em tramitação na Casa, o qual solicita a realização de concurso público para estes profissionais na atenção primária da saúde.

“Muita gente acha que cuidar da saúde é apenas se medicar quando está doente, mas o importante mesmo é prevenir a doença. Esses profissionais devem estar na base da saúde, perto da população, na casa das pessoas para que elas não adoeçam. A doença influencia não só no físico, mas também no emocional, então não dá pra pensar só na saúde e em sua recuperação, é preciso prevenir”, afirmou.

A vereadora aproveitou o momento para informar que amanhã, às 14h30, na Assembleia Legislativa do Ceará, acontecerá uma sessão solene em homenagem ao Dia do Fisioterapeuta e convidou os parlamentares e a sociedade para que compareçam ao local. Cláudia ressaltou que a Câmara Municipal de Fortaleza realizará uma solenidade em homenagem aos fisioterapeutas no dia 25 de outubro, às 19h.

“Parabenizo aqui todas as pessoas que desempenham esse papel tão importante que é o de fisioterapeuta e digo que estarei sempre lutando em causa da saúde, não só da fisioterapia, mas de todos os profissionais que merecem ser homenageados, porque são profissionais que transformam e salvam a vida de muitas pessoas”, concluiu.